Kosovo junta-se à família olímpica

Access to the comments Comentários
De  Bruno Sousa
Kosovo junta-se à família olímpica

<p>A família olímpica cresceu esta terça-feira com o reconhecimento definitivo do Comité Olímpico do Kosovo. O país balcânico tornou-se no 205º membro do Comité Olímpico Internacional (<span class="caps">COI</span>), obtendo um triunfo importante quer para o desporto no país, quer a nível político.</p> <p>Apenas 108 países reconhecem a independência do Kosovo, Portugal é um deles, pelo que nem todos ficaram satisfeitos com esta decisão.</p> <p>Thomas Bach, presidente do <span class="caps">COI</span> admite que o presidente do Comité Olímpico da Sérvia não ficou nada satisfeito com esta decisão mas que a aceitava em nome do interesse dos atletas.</p> <p>O Kosovo pode agora sonhar com o ouro olímpico e a principal aposta para Rio de Janeiro 2016 é a judoca Majlinda Kelmendi.</p> <p>A bicampeã do mundo nos -52 kg esteve nos Jogos de Londres, onde foi obrigada a competir sob a bandeira da Albânia e onde não foi além da segunda ronda.</p> <p>No Brasil representa a maior esperança de um milhão e oitocentos mil kosovares.</p>