Última hora

Última hora

Em leitura:

"Birdman" junta Michael Keaton e Edward Norton no grande ecrã


cinema

"Birdman" junta Michael Keaton e Edward Norton no grande ecrã

“Birdman” marca o regresso de Michael Keaton ao grande ecrã. No filme dirigido por Alejandro Gonzalez Iñarritu, Michael Keaton interpreta o papel de uma estrela em decadência, a viver à sombra do super-herói que representou num antigo êxito de bilheteira, que tenta um regresso triunfal numa peça teatral na Broadway. O filme de Inãrritu foi um desafio, em particular pela insistência do realizador nos planos gerais, como explica Michael Keaton:

“- Tínhamos que estar no sítio certo. Ser perfeitos nos diálogos. Tínhamos que estar exatamente no local previsto no platô, dizer a linha e a deixa que tinha que ser, não apenas para o outro ator, mas também para o operador de som, que tinha que estar no sítio exato, e como nos movíamos e para onde nos movíamos. Igual com o operador de câmara, o que tínhamos que fazer, onde estavam as estruturas de câmara. Foi algo gigantesco, incrivelmente coreografado.”

Edward Norton faz parte do elenco de luxo que conta ainda com Naomi Watts e Amy Ryan. Norton elogia o realizador pelo fim enigmático que deixa o espetador na dúvida:

“Os cineastas que desejam deixar perguntas na cabeça dos espetadores são raros. Acho que, geralmente, há um impulso para responder a tudo porque é mais seguro mandar as pessoas embora sentindo que perceberam tudo. Deixar as pessoas com interrogações na cabeça é bastante mais provocante e é algo muito mais maduro de fazer porque não creio que o fim último da arte séria seja fazer com que as pessoas se sintam melhor. É antes uma espécie pergunta, como e porquê sentimos da forma como sentimos. Isto é bastante intencional e existem muitos mistérios intencionais neste filme.”

“Birdman” tem a estreia em Portugal marcada para 15 de janeiro.

Escolhas do editor

Artigo seguinte
"Wild": Reese Witherspoon no trilho de mais um Óscar

cinema

"Wild": Reese Witherspoon no trilho de mais um Óscar