Última hora

Última hora

Fuga desordenada provoca mais de 30 mortos em Xangai

A cidade chinesa de Xangai está de luto. Mais de 30 pessoas morreram esmagadas na contagem decrescente para 2015.

Em leitura:

Fuga desordenada provoca mais de 30 mortos em Xangai

Tamanho do texto Aa Aa

Pelo menos 36 pessoas morreram esmagadas em Xangai durante as celebrações do ano novo.

O balanço é, ainda, provisório já que dezenas ficaram feridas, algumas em estado grave.

As causas da debandada, ainda, não são claras.

Testemunhas garantem que tudo começou com o lançamento de panfletos idênticos a notas de 100 dólares norte-americanos, a partir de um edifício localizado no centro de Xangai pouco antes da meia-noite. Mas há outras versões.

“O número de policias não era suficiente e, além disso, houve falta de organização. É muito triste assistir a uma situação destas numa cidade como Xangai. Espero que isto não se repita” refere um homem.

Muitos garantem que na origem do acidente está o excesso de pessoas que se encontrava numa plataforma usada para ver o rio.

Sabe-se que o receio de uma enchente levou a que as autoridades anulassem recentemente, o tradicional espetáculo de laser que no ano passado atraiu mais de 300 mil pessoas.

Certezas há, ainda, poucas. O governo de Xangai anunciou, entretanto, a abertura de um inquérito.