Última hora

Última hora

Coreia do Norte condena novas sanções dos EUA

A Coreia do Norte condenou as novas sanções impostas pelos Estados Unidos, como resposta ao ataque informático lançado contra a Sony. Numa mensagem

Em leitura:

Coreia do Norte condena novas sanções dos EUA

Tamanho do texto Aa Aa

A Coreia do Norte condenou as novas sanções impostas pelos Estados Unidos, como resposta ao ataque informático lançado contra a Sony. Numa mensagem divulgada este domingo, Pyongyang qualificou as medidas de Washington como “hostis” e como uma demonstração de “empedernida repugnância” em relação à Coreia do Norte.

Na sexta-feira, o Presidente norte-americano autorizou a imposição de novas sanções contra Pyongyang em resposta ao “destrutivo” ataque informático contra a companhia cinematográfica Sony Pictures. As novas medidas atingem três entidades norte-coreanas, incluindo uma agência de serviços secretos, e dez pessoas que trabalham para essas empresas e para o governo norte-coreano.

A Sony Pictures foi então alvo de um ataque informático e por isso cancelou, numa primeira fase, a exibição do filme “The Interview”, sobre uma tentativa de assassínio da CIA do líder norte-coreano, Kim Jong-Un. O filme acabou por ser distribuído pela internet e numa rede restrita de salas de cinema dos Estados Unidos.

A Coreia do norte, apesar de ter criticado a estreia do filme, garante que não é responsável pelo ataque informático à Sony Pictures.