Última hora

Última hora

Aeroporto de Donetsk no centro de um conflito sangrento

O governo ucraniano diz manter o controlo do aeroporto de Donetsk. Os rebeldes, que lançaram uma forte ofensiva, dizem o contrário.

Em leitura:

Aeroporto de Donetsk no centro de um conflito sangrento

Tamanho do texto Aa Aa

O governo ucraniano garante que o exército do país continua a controlar o aeroporto de Donetsk, isto apesar da ofensiva que as milícias pró-russas estão a lançar há vários dias e das declarações dos rebeldes, segundo as quais teriam tomado o aeroporto e aberto um corredor para a retirada das tropas ucranianas.

Sábado, o bombardeamento a este ponto estratégico por parte dos rebeldes durou todo o dia e fez pelo menos três mortos e 18 feridos entre as tropas pró-governamentais.

A resistência do exército ucraniano às ofensivas contra o aeroporto, que duram há vários meses, levou a que os militares que defendem a estrutura fossem apelidados de “ciborgues”.

Os combates mantêm-se, apesar dos acordos entre a Rússia e a Ucrânia assinados em Minsk, em setembro. As últimas tentativas para organizar um encontro entre as várias partes fracassaram.

Desde abril do ano passado, o conflito no leste da Ucrânia, em particular nas regiões de Donetsk e Luhansk, já fez quase cinco mil mortos.