Última hora

Última hora

Votos dos indecisos podem ser decisivos nas eleições gregas

Em leitura:

Votos dos indecisos podem ser decisivos nas eleições gregas

Tamanho do texto Aa Aa

ELENI RIZOPOULOU – Quatro dias antes das talvez mais cruciais eleições dos últimos tempos, a liderança do SYRIZA parece consolidada. Que estado de espírito encontramos nas ruas de Atenas?

STAMATIS GIANNISIS – Em contraste com o calor do debate político entre os partidos, o dia-a-dia parece correr normalmente.

As pessoas estão mais num estado de expectativa, aguardando a abertura das urnas no domingo à noite para ver como se portou o partido da sua escolha. De acordo com as sondagens o SYRIZA está bem à frente dos outros.
Acho que a questão agora é saber se o SYRIZA vai ganhar um maioria absoluta que lhe permita formar um governo, ou se terá de procurar alianças com outros partidos para um governo de coligação.
Só saberemos isso provavelmente às primeiras horas de segunda-feira.

ELENI RIZOPOULOU – Os indecisos, que são cerca de 10%, foram o principal alvo dos últimos comícios dos grandes partidos. Como podem estes 10% afetar os resultados eleitorais no domingo?

STAMATIS GIANNISIS – Os dois principais adversários e os partidos mais pequenos estão com os olhos postos nos eleitores indecisos, porque esses 10% críticos podem significar muito para todos.

Para o Nova Democracia pode significar uma vitória por margem mínima, para o SYRIZA, a tão desejada maioria absoluta.
No entanto, ninguém sabe se nesses 10% está incluído um número de eleitores que possa levar o partido da extrema direita Aurora Dourada ao terceiro lugar ou abrir as portas do Parlamento a partidos mais pequenos, como o Gregos Independentes, de direita, ou o Movimento Social Democrata, do centro esquerda, já que estes partidos parecem estar perto da exigida fasquia dos 3%.
Vamos mesmo ter que esperar pela abertura das urnas de voto no domingo à noite.