Última hora

Última hora

Intensifica-se a luta no leste da Ucrânia

A luta entre as forças regulares de Kiev e os independentistas da autoproclamadas Republicas Populares de Donetsk e Lugansk intensifica-se e o número

Em leitura:

Intensifica-se a luta no leste da Ucrânia

Tamanho do texto Aa Aa

A luta entre as forças regulares de Kiev e os independentistas da autoproclamadas Republicas Populares de Donetsk e Lugansk intensifica-se e o número de baixas entre os civis não pára de crescer, com ambas as partes a acusarem-se mutuamente.

No sábado, 30 civis morreram na cidade de Mariupol, num ataque de artilharia pesada contra um bairro residencial da cidade, sede do governo regional de Donetsk leal a Kiev.

Os separatistas anunciaram esta segunda-feira a intenção de criar uma única linha da frente, unindo as duas existentes, Donetsk e Lugansk, justificando o plano, que viola os acordos de paz de Minsk, com a necessidade de afastar a artilharia governamental.

O líder dos separatistas acusou Kiev de pretender destruir as infraestruturas das regiões controladas pelos rebeldes, atacando centrais elétricas, gasodutos e depósitos de água, e de bloquear economicamente as zonas separatistas, impedindo a entrada de alimentos e de medicamentos.

Os cerca de 500 mineiros que ficaram bloqueados no interior da mina de Zasiadko, na região de Donetsk, foram evacuados sãos e salvos.

A mina tinha ficado sem eletricidade após a subestação que fornece energia ao complexo, situada no bairro Kievski, ter sido atingida por um obus.