This content is not available in your region

Venezuela autoriza armas de fogo contra manifestantes

Access to the comments Comentários
De  Francisco Marques  com EFE
Venezuela autoriza armas de fogo contra manifestantes

<p>O executivo liderado presidente da Venezuela Nicolas Maduro promulgou uma nova lei que autoriza a polícia a usar, “se necessário”, o “porte e uso” de “armas de fogo no controlo de reuniões públicas e manifestações pacíficas”. O ministro da Defesa Vladimir Padrino López diz que esta nova resolução está enquadrada nos direitos humanos, refutando assim as críticas surgidas da oposição contra esta medida controversa.</p> <p><a href="http://www.4shared.com/download/iji6rrSeba/gaceta-oficial-40589_2015.pdf?lgfp=3000" title="pág. 8">Consultar aqui o <span class="caps">PDF</span> desta polémica resolução do Governo venezuelano</a></p> <p>A resolução 8610 foi publicada na edição 40589 da Gazeta Oficial venezuelana (similar ao Diário da República portuguesa) a 27 de janeiro e o ministro lamenta que se tenha “descontextualizado”. “O que estamos aqui a fazer é colocar tudo em ordem, escrevendo-o, a fazer doutrinas, tudo sempre ligado aos direitos humanos, sempre ligado à constituição”, defendeu Padrino López, aconselhendo a que a resolução seja “bem lida.”</p> <p><blockquote class="twitter-tweet" lang="pt"><p>GO 40589: pag. 418.354 PEQUEÑO <span class="caps">GRAN</span> <span class="caps">DETALLE</span>: Uso de armas de fuego <span class="caps">CONTRA</span> Manifestaciones <a href="http://t.co/89Pcn91we1">http://t.co/89Pcn91we1</a> <a href="http://t.co/OKlnMU7PlP">pic.twitter.com/OKlnMU7PlP</a></p>— Miguel S Muñoz (@miguelsmunoz) <a href="https://twitter.com/miguelsmunoz/status/560856124841132034">29 janeiro 2015</a></blockquote><br /> <script async src="//platform.twitter.com/widgets.js" charset="utf-8"></script></p> <p>Anunciada sexta-feira, 30 de janeiro, a medida provocu pronta revolta dos defensores de direitos humanos e há mesmo quem a considere uma violação da própria constituição venezuelana, nomeadamente do artigo 68, que “proíbe o uso de armas de fogo e substâncias tóxicas no controlo de manifestações pacíficas.”</p> <p><blockquote class="twitter-tweet" lang="pt"><p><a href="https://twitter.com/hashtag/CRBV?src=hash">#CRBV</a> De los Derecho Políticos y del Referendo popular, artículo 68. <a href="https://twitter.com/hashtag/Leyes?src=hash">#Leyes</a> <a href="https://twitter.com/hashtag/Derecho?src=hash">#Derecho</a> <a href="https://twitter.com/hashtag/Venezuela?src=hash">#Venezuela</a> <a href="http://t.co/Bi1oSCgjjn">pic.twitter.com/Bi1oSCgjjn</a></p>— Microjuris Venezuela (@microjurisve) <a href="https://twitter.com/microjurisve/status/555008913959952384">13 janeiro 2015</a></blockquote><br /> <script async src="//platform.twitter.com/widgets.js" charset="utf-8"></script></p> <p>Maria Corina Machado, uma reconhecida opositora do presidente Maduro, vai mais longe e garante que esta é mais uma violação da Carta Democrática Latino-Americana e ameaçou denunciar o Governo às instituições internacionais, considerando esta autorização do uso de armas de fogo contra manifestantes “ainda pior que a pena de morte.”</p> <p>O autarca de metropolitano de Caracas está igualmente contra a resolução 8610. “Esta disposição é uma tentativa grosseira, inaceitável e indigna por parte do ministro da Defesa de colocar a instituição armada ao serviço dos interesses do regime e do Partido socialista Unido (<span class="caps">PSUV</span>) na repressão do descontentamento massivo que expressa o povo venezuelano”, leu Antonio Ledezma, a partir de um comunicado também ratificado, foi garantido, por Lopoldo Lopez, detido no ano passado por alegada responsabilidade nas manifestações de há quase um ano.</p> <p><blockquote class="twitter-tweet" lang="pt"><p><span class="caps">URGENTE</span>: Mensaje a la Fuerza Armada Nacional de <a href="https://twitter.com/MariaCorinaYA"><code>MariaCorinaYA</a> <a href="https://twitter.com/leopoldolopez"></code>leopoldolopez</a> y mi persona <a href="http://t.co/ZdG7s51m9l">http://t.co/ZdG7s51m9l</a> Que toda <span class="caps">VZLA</span> lo vea</p>— Antonio Ledezma (@alcaldeledezma) <a href="https://twitter.com/alcaldeledezma/status/561314349705617408">31 janeiro 2015</a></blockquote><br /> <script async src="//platform.twitter.com/widgets.js" charset="utf-8"></script></p>