Última hora

Última hora

Nem a Sérvia nem a Croácia cometeram genocídio, diz o TIJ

O Tribunal Internacional de Justiça rejeitou os pedidos da Sérvia e da Croácia, que se acusavam mutuamente de genocídio, na guerra que durou de 1991 a 1995.

Em leitura:

Nem a Sérvia nem a Croácia cometeram genocídio, diz o TIJ

Tamanho do texto Aa Aa

A Sérvia não cometeu genocídio na Croácia, durante as guerras da ex-jugoslávia. É o que o Tribunal Internacional de Justiça decidiu, pondo fim à queixa apresentada pelas autoridades croatas.

A Croácia exigia da Sérvia o pagamento de uma indemnização pela guerra que durou de 1991 a 1995 e fez mais de 15 mil mortos. O episódio mais negro aconteceu com a tomada de Vukovar pelo exército jugoslavo em novembro de 1991. Em apenas três dias, mais de 2500 croatas foram mortos.

O TIJ, sediado em Haia, na Holanda, afastou também o cenário inverso, ao rejeitar as acusações de genocídio que a Sérvia fazia sobre a Croácia. O presidente do TIJ, Peter Tomka, concluiu que foram cometidos múltiplos crimes de guerra por parte de ambas as partes, mas nenhuma delas teve intenção de praticar um genocídio.