Última hora

Última hora

Autoridades europeias antifraude investigam linha Lyon-Turim

Em leitura:

Autoridades europeias antifraude investigam linha Lyon-Turim

Tamanho do texto Aa Aa

A ligação ferroviária de alta-velocidade entre Lyon, em França, e Turim, em Itália, está a ser investigada pelas autoridades europeias antifraude. Em causa estão as derrapagens dos custos e as alegadas implicações da máfia em empresas que realizam as obras em Itália.

O projeto está já manchado pelas acusações de conflito de interesse que pesam, em França, sobre o presidente da estrutura, Hubert du Mesnil.

A União Europeia já deu 450 milhões de euros, mas França e Itália pedem mais quatro mil milhões. O custo total deverá atingir 8,5 mil milhões de euros.

A linha é polémica. Os ambientalistas opõem-se à construção de um túnel de 57 quilómetros, quando a linha ferroviária existente está sub-explorada.