Última hora

Última hora

OPEP prevê mais procura e menos produção dos rivais

Em leitura:

OPEP prevê mais procura e menos produção dos rivais

Tamanho do texto Aa Aa

A Organização de Países Exportadores de Petróleo (OPEP) prevê um aumento da procura este ano, impulsionada pela queda dos preços.

No relatório mensal, a OPEP espera que a procura de petróleo junto da instituição atinja 29,2 milhões de barris diários, ou seja, mais 430 mil barris diários face a previsão anterior.

Ao mesmo tempo, a organização baixou as estimativas de produção dos rivais, para 850 mil barris por dia, ou seja, menos 420 mil barris quotidianos.

Os números refletem uma desaceleração do setor do petróleo de xisto nos Estados Unidos e uma queda do investimento mundial no setor petrolífero.

Entre junho e dezembro, os preços do petróleo recuaram 60%. A tendência acentuou-se após a reunião da OPEP, em novembro, quando a organização decidiu não cortar a produção.

O crude está de novo a subir, mas as novas previsões mostram que a estratégia da OPEP está a dar frutos.