Última hora

Última hora

Aprender com as diferenças

Muita da violência de hoje vem da falta de tolerância com as diferenças, sejam elas étnicas, religiosas ou políticas. A educação intercultural é uma forma de encontrar pontos comuns.

Em leitura:

Aprender com as diferenças

Tamanho do texto Aa Aa

Todos os dias vemos morte e destruição nas notícias. Muita desta violência vem da falta de tolerância comas diferenças, sejam elas étnicas, religiosas ou políticas. A educação intercultural é uma forma de encontrar pontos comuns. Vamos ver alguns métodos.

Áustria: Imigrantes ensinam o que sabem fazer

A cozinha local representa a história e cultura de uma região. Pode uma experiência culinária ajudar pessoas de origens diferentes a juntar-se? Pode ajudar os imigrantes e candidatos ao asilo a integrar-se na nova vida? Vamos ver uma receita de sucesso na Áustria.

Turquia: Aprender a língua através da imersão

Como é viver no estrangeiro com uma família que tem uma bagagem cultural diferente? É só uma forma de aprender línguas, ou pode também melhorar a compreensão mútua entre as comunidades? Vamos ver uma experiência de estudantes americanos na Turquia, através de um programa patrocinado pelo Departamento de Estado norte-americano.

Guatemala: A criatividade faz-nos trabalhar juntos

A comunicação é um dos primeiros passos para desenvolver a tolerância entre pessoas diferentes. Como pode isto ser integtrado com o uso da tecnologia? Na Guatemala, fazer filmes é uma boa maneira de criar pontes entre as diferenças culturais.

Já teve alguma experiência educativa intercultural? Mudou a forma como vê as outras culturas? Queremos saber o que pensa. Partilhe a sua experiência connosco, através das redes sociais, com o “hashtag” #LearningWorld .