Última hora

Última hora

Portugueses despedem-se de Düsseldorf sem boas recordações

O último dia do Grande Prémio de Düsseldorf não deixou boas recordações aos judocas portugueses. Célio Dias, Jorge Fonseca e Diogo Silva foram todos

Em leitura:

Portugueses despedem-se de Düsseldorf sem boas recordações

Tamanho do texto Aa Aa

O último dia do Grande Prémio de Düsseldorf não deixou boas recordações aos judocas portugueses. Célio Dias, Jorge Fonseca e Diogo Silva foram todos eliminados ao primeiro combate.

O líder do ranking mundial, Varlam Liparteliani, não deu hipóteses nos -90 kg. O judoca da Geórgia imobilizou o russo Kazbek Zankishiev, garantindo dessa forma a vitória por ippon. Célio Dias foi derrotado pelo japonês Daiki Nishiyama, que conquistou a medalha de bronze.

Nos -100 kg, Ramadan Darwish deixou pelo caminho Jorge Fonseca logo na primeira eliminatória mas acabou derrotado na final. O egípcio não encontrou argumentos para contrariar a superioridade do japonês Ryunosuke Haga, que já a semana passada tinha subido ao lugar mais alto do pódio no Open de Roma.

Para a final dos mais de cem quilos estava reservada um duelo cem por cento japonesa. Após um combate bastante tático e decidido nas penalizações, o triunfo sorriu a Ryu Shichinohe. O vice-campeão do mundo impôs-se a Takeshi Ojitani. Diogo Silva foi eliminado pelo homem da casa, Sven Heinle.

Kayla Harrison confirmou o favoritismo nos -78 kg e somou mais uma vitória ao longo palmarés. A norte-americana, campeã olímpica da categoria, impôs-se no combate decisivo à eslovena Ana Velensek, que já o ano passado tinha sido finalista vencida no torneio alemão.

Nos +78 kg o triunfo sorriu a Kanae Yamabe. A japonesa, medalha de bronze nos últimos campeonatos do mundo, levou de vencida a tunisina Nihel Chikhrouhou por ippon após três minutos e meio sobre o tatami.