Última hora

Última hora

Fórmula 1: Fernando Alonso teve alta e deve voltar às pistas já na próxima semana

Fernando Alonso teve alta esta quarta-feira do Hospital Geral da Catalunha, onde esteve internado três dias para observação após o acidente de

Em leitura:

Fórmula 1: Fernando Alonso teve alta e deve voltar às pistas já na próxima semana

Tamanho do texto Aa Aa

Fernando Alonso teve alta esta quarta-feira do Hospital Geral da Catalunha, onde esteve internado três dias para observação após o acidente de domingo, no circuito catalão, durante uma sessão de testes da McLaren para a temporada de Fórmula 1 que se aproxima.

“Temos o prazer de anunciar que Fernando Alonso já deixou o hospital. Já regressou à casa da família, em Espanha, para mais um pouco de descanso e recuperação”, lê-se num comunicado divulgado pela escuderia britânica.

A McLaren revela que Alonso “vai falhar o derradeiro teste de inverno” do novo carro previstos para o próximo fim de semana. “Kevin Magnussen, piloto de testes e de reserva da McLaren-Honda, vai substitui-lo”, acrescenta o comunicado. O piloto dinamarquês, de 22 anos, através das redes sociais, prometeu ao espanhol “afinar” bem o carro para a abertura do Mundial, em Melbourne.

Alonso chocou, no domingo, contra um muro a cerca de 150 quilómetros por hora. Ao contrário das primeiras notícias que sugeriam que o espanhol teria perdido os sentidos, a McLaren fez saber que o piloto estava “consciente e a falar” e que foi levado “por via aérea para o hospital.”

A Federação Internacional de Automobilismo abriu, entretanto, uma investigação às causas do acidente de Fernando Alonso. O site britânico Autosport revelou que a FIA começou a trabalhar com a McLaren no estudo dos dados telemétricos extraídos do embate do monolugar de Alonso no muro de segurança do circuito.

O primeiro Grande Prémio da temporada está marcado para 15 de março, na Austrália.