Última hora

Última hora

Pena de morte: manifestação de apoio à política de Widodo

Centenas de pessoas manifestaram-se em Jacarta contra a eventual libertação dos dois australianos condenados por tráfico de droga na Indonésia.

Em leitura:

Pena de morte: manifestação de apoio à política de Widodo

Tamanho do texto Aa Aa

Centenas de pessoas manifestaram-se em Jacarta contra a eventual libertação dos dois australianos condenados por tráfico de droga na Indonésia.

O protesto decorreu junto à embaixada australiana numa altura em que em Camberra volta a pedir clemência.

O chefe de Governo australiano falou com o Presidente indonésio, esta quarta-feira. Tony Abbott, recusa revelar o conteúdo da conversa, mas adianta que Joko Widodo entende a posição de Camberra.

Jacarta já fez saber que pretende avançar com a execução de mais 11 pessoas condenadas por narcotráfico.

Na terça-feira, a justiça indonésia indeferiu o recurso apresentado pelos dois australianos que viram negado o pedido de clemência.
No corredor da morte estão cidadãos de várias nacionalidades, entre eles um brasileiro.

Um porta-voz do Ministério dos Negócios Estrangeiros da Indonésia lembra que todos os esforços para ajudar estas pessoas devem respeitar a lei do país.

Até ao momento, Jacarta negou todos os pedidos de clemência apresentados por diferentes países. Da lista fazem parte o Brasil e a Holanda que em janeiro não conseguiram impedir a execução de dois cidadãos, condenados por tráfico de droga.