Última hora

Última hora

Balázs: assassinato de Nemtsov pode despertar os russos

Péter Balázs, professor na Central European University falou com a Euronews a partir de Budapeste. Euronews: O assassinato de Boris Nemtsov chocou a

Em leitura:

Balázs: assassinato de Nemtsov pode despertar os russos

Tamanho do texto Aa Aa

Péter Balázs, professor na Central European University falou com a Euronews a partir de Budapeste.

Euronews: O assassinato de Boris Nemtsov chocou a Rússia e o mundo. Dezenas de milhares de pessoas marcharam em Moscovo, este domingo, como não se via desde 2011. Acha que este crime vai assustar a oposição russa ou vai contribuir para reforçar a unidade da mesma?”

Balázs: “O objetivo dos autores foi, provavelmente, assustar a oposição. Mas um assassinato político tem, muitas vezes o efeito contrário quando a ação política e a reação são diferentes daquilo que era esperado. Quando a resposta a uma determinada atividade política é dada através das armas, as pessoas começam a mobilizar-se. Quando se apercebem da injustiça, começam os protestos como vimos em Moscovo.”

Euronews: Que impacto vai ter a morte Nemtsov na política mundial?

Balázs: “Penso que vai definitivamente ter um impacto. Por vezes, o efeito deste tipo de ação política é inesperado. Creio que a morte do mártir Boris Nemtsov pode desencadear eventos que levem as pessoas – dentro e fora da Rússia – a perceber a importância das suas ações e do processo político. Podem perceber a necessidade de agir contra tendências políticas perigosas. Na minha opinião, a situação é ainda mais grave devido ao isolamento político em que a Rússia se encontra.”