Última hora

Última hora

Doping ensombra futebol alemão

O futebol alemão está em estado de sítio devido à publicação de um relatório que prova a utilização sistemática de esteroides anabolizantes por parte

Em leitura:

Doping ensombra futebol alemão

Tamanho do texto Aa Aa

O futebol alemão está em estado de sítio devido à publicação de um relatório que prova a utilização sistemática de esteroides anabolizantes por parte de duas equipas, Estugarda e Friburgo, durante as décadas de 70 e 80.

A notícia caiu como uma bomba uma vez que o uso de substâncias dopantes sempre foi encarado como um problema individual, onde os atletas atuavam por sua conta e risco. Este relatório da comissão que estuda o envolvimento da Universidade de Friburgo em casos de doping prova exatamente o contrário.

No centro da polémica está Armin Klümper, antigo diretor do departamento de medicina desportiva da universidade e ligado a vários casos suspeitos, desde a morte de Birgit Dressel aos 26 anos devido ao uso abusivo de esteroides ao escândalo que abalou a equipa de ciclismo Deutsche Telekom nos anos 90.

Joachim Löw, selecionador alemão e que jogou em ambas as equipas implicadas no período em questão já veio negar a utilização de substâncias proibidas, adiantando que sempre foi contra o uso de doping no desporto.