Última hora

Última hora

Em leitura:

Sergio Herman: Quando as estrelas Michelin não são tudo


cinema

Sergio Herman: Quando as estrelas Michelin não são tudo

O chefe holandês, Sergio Herman, é o protagonista num documentário. Um retrato de dedicação, perfeccionismo e trabalho árduo depois do anúncio de que ia vender o seu restaurante, de 3 estrelas Michelin, para concretizar outros sonhos.

A película foi rodada em 2013, por Willemiek Kluijfhout, que tinha já, em 2012, dirigido outro documentário com este chefe. A realizadora explora também a ambição, o sacrifício e a coragem num documentário onde câmara e intervenientes quase se fundem:

“Eles tinham tanto que fazer na cozinha que não tinham tempo para pensar que havia lá uma câmara. Claro que era uma câmara pequena. Para nós foi mais difícil estar lá.”

A decisão de vender o restaurante não foi tomada de ânimo leve, foi ponderada, até a pensar na família, que acabou por sofrer com o sucesso profissional deste mestre da cozinha. Para a câmara o chefe fala das preocupações e dúvidas quando se fazem escolhas difíceis:

“Eu estava no ponto mais alto. Quando se tem 20 em 20 pontos Gault e Millau e três estrelas Michelin, quando se é há 9, 10 anos o melhor restaurante na Holanda, quando se está há 25 anos numa cozinha isso já é suficiente.”

Herman não parou, completamente, de cozinhar mas os seus novos projetos fazem-no sentir-se bem e, agora, tem mais tempo para a família.

O documentário foi exibido no último Festival de Berlim.

Escolhas do editor

Artigo seguinte
As consequências da repressão sexual das mulheres

cinema

As consequências da repressão sexual das mulheres