This content is not available in your region

Brasil: Supremo Tribunal autoriza inquéritos a vários políticos

Access to the comments Comentários
De  Euronews
Brasil: Supremo Tribunal autoriza inquéritos a vários políticos

<p>O Supremo Tribunal Federal brasileiro divulgou uma lista com os nomes de vários políticos, alegadamente envolvidos no escândalo de corrupção da Petrobras.</p> <p>Na listagem figuram os presidentes da Câmara dos Deputados, Eduardo da Cunha e do Senado, Renan Calheiros.</p> <p>O <span class="caps">STF</span> permitiu a abertura de inquéritos depois de o procurador-geral da República, Rodrigo Janot, ter entregado 28 pedidos de abertura de inquirições referentes a 54 pessoas.</p> <p>Segundo o professor de direito, Merrit Fox, o escândalo da Petrobras “levanta questões sobre o ‘corporate governance’ no Brasil que o do ‘Mensalão’, não levantou.” O académico considera preocupante que devido ao que aconteceu na Petrobras “a população comece a preocupar-se com outras empresas que têm uma presença e um envolvimento governamentais significativos.” </p> <p>De acordo com a imprensa brasileira o sistema de financiamento eleitoral da campanha da presidente Dilma Roussef, no escrutínio do ano passado, pode estar sob suspeita. Os depoimentos de dois acusados que entraram em acordo com a Justiça, em troca de uma possível redução de pena, o “doleiro” (cambista ilegal) Alberto Yousseff e o ex-diretor da Petrobras, Paulo Roberto Costa, indicam o alegado envolvimento do tesoureiro do PT, João Vaccari Neto.</p>