This content is not available in your region

Nemtsov: Autoridades russas detêm quatro suspeitos

Access to the comments Comentários
De  Dulce Dias  com AFP, AP, EFE e Reuters
Nemtsov: Autoridades russas detêm quatro suspeitos

<p>Os dois principais suspeitos do assassinato de Boris Nemtsov, Anzor Gubashev e Zaur Dadáev, foram, este domingo, presentes ao juiz, em Moscovo.</p> <p>Isto, no mesmo dia em que as autoridades afirmam ter detidos duas outras pessoas, igualmente suspeitas de envolvimento na morte do opositor russo.</p> <p>Os quatro homens, todos de nacionalidade chechena, foram detidos na vizinha república autónoma da Inguchétia. Entre os novos detidos, Shakhid Gubashev, irmão mais novo de Anzor. </p> <p>“Eles vivem em Moscovo há 9 ou 10 anos, e agora fiquei a saber que foram detidos”, explica a mãe dos dois homens, Zulay Gubasheva, que acrescenta: “Fazer uma coisa destas, nunca pensei que fossem capazes…”</p> <p>O quarto detido é, segundo as autoridades, o homem que acompanhava Dadáev no carro em que supostamente fugiram após o tiroteio.</p> <p>Nemtsov foi assassinado no passado dia 27 de fevereiro, quando atravessava, com a namorada, uma ponte sobre o rio Moscovo, perto do Kremlin.</p> <p>A morte do adversário de Vladimir Putin chocou os russos, particularmente os opositores ao presidente, que apontam o dedo ao Kremlin. As autoridades russas já negaram qualquer envolvimento no assassinato.</p>