Última hora

Última hora

Repressão violenta na Birmânia

A polícia acabou à força com uma marcha de estudantes que prentedia chegar à capital, Rangum.

Em leitura:

Repressão violenta na Birmânia

Tamanho do texto Aa Aa

Vários estudantes ficaram feridos quando a polícia reprimiu uma manifestação a cerca de 140 quilómetros de Rangum, capital da Birmânia.

Ao fim de uma semana de protestos, a polícia pôs fim ao braço-de-ferro que opunha os cerca de 200 manifestantes e as forças de segurança.

Os estudantes protestam contra uma lei que, segundo eles, acaba com a independência das universidades.

Os jovens tinham iniciado uma marcha em Mandalay, no centro do país, e tinham a intenção de marchar até à capital, mas foram parados pela polícia na localidade de Letpadan.

Na sexta-feira, a polícia tinha já prendido cinco estudantes nesta vila.

Tanto a União Europeia como os Estados Unidos condenaram a repressão policial desta manifestação, que estava a ser pacífica.