Última hora

Última hora

Radar:es(a)quecimento e arrefecimento

Grécia: as fotos captadas por Iraklis Pnevmatikakis, em Atenas, estão a correr o mundo. Numa das imagens vemos um homem a dar um par de ténis a um

Em leitura:

Radar:es(a)quecimento e arrefecimento

Tamanho do texto Aa Aa

Grécia: as fotos captadas por Iraklis Pnevmatikakis, em Atenas, estão a correr o mundo. Numa das imagens vemos um homem a dar um par de ténis a um sem-abrigo descalço e a reação do mesmo. Um gesto particularmente tocante dada a atual situação humanitária na Grécia.

Vejas as fotografias de Iraklis Pnevmatikakis no Facebook :

—> Artigo original

Em Itália caiu mais neve em Capracotta, no centro do país, do que em qualquer outro lugar. Pelo menos é o que garantem os habitantes obrigados a cavar túneis e a sair de casa pelas janelas após a queda de um nevão que em menos 24 horas ultrapassou os dois metros e meio de altura. Argumentos que segundo os 1.400 habitantes servem para destronar o recorde mundial de 1921.

—> Mais informações

No Canadá o primeiro-ministro voltou a criticar o uso do niqab. Stephen Harper considera que véu usado pelas muçulmanas é produto de uma cultura “anti-mulheres.” O chefe do Governo conservador retomou na terça-feira, no parlamento, as críticas contra o niqab, com o líder liberal Justin Trudeau a acusá-lo e ao seu Governo de “alimentarem um preconceito contra os muçulmanos.”

A polémica surgiu depois de um tribunal canadiano ter dado razão a uma mulher muçulmana que exigiu usar o niqab durante a cerimónia de atribuição de cidadania canadiana.

O primeiro-ministro já disse que vai recorrer da decisão por considerar que se trata de uma questão de segurança.

As críticas não tardaram a surgir: #dresscodepm

Na Suíça um homem de 90 anos foi informado que tinha de regularizar uma dívida que remonta a 1951. O reformado que se encontra a viver nos subúrbios de Lausana não quis acreditar quando recebeu uma carta dos impostos a pedir para liquidar, com urgência, uma dívida no valor de 52.80 francos suíços com mais de meio século.

—> Fonte

A Irlanda já passou por dificuldades, mas a economia do país está agora a recuperar.
Em 2014 cresceu perto de 5 por cento, uma tendência que Dublin quer manter este ano. O governo acredita, por isso, que é tempo de fazer regressar os cerca de 240 mil cidadãos que abandonaram o país desde o início da crise. Nesse sentido, o chefe de governo, Enda Kenny, lançou o programa Global Irish que visa apoiar os cidadãos que decidam voltar à Irlanda.

—> Fonte