This content is not available in your region

E do dia se fez noite: Eclipse total do sol anunciou a Primavera

Access to the comments Comentários
De  Euronews  com Reuters, EFE, AFP
E do dia se fez noite: Eclipse total do sol anunciou a Primavera

<p>Sol, Lua e Terra alinhados na perfeição nesta sexta-feira de equinócio da Primavera.</p> <p>O eclipse do Sol foi total numa faixa com cerca de 450 km de largura ao longo de mais de 5000 km, no Atlântico Norte. Começou a Sul da Gronelândia, passou entre a Islândia e o Reino Unido, deixando na escuridão as dinamarquesas ilhas Faroé e continuou a avançar até desaparecer, no Pólo Norte, depois de também ter trazido a noite em pleno dia ao arquipélago Svalbard, na Noruega.</p> <p>Houve quem visse o eclipse a partir da cabine de um avião, nos céus da Rússia. Em Portugal, o eclipse foi parcial, tal como na maior parte do resto da Europa. O fenómeno natural foi ainda visível no Norte de África, no Médio Oriente e na Ásia.</p> <p>O eclipse coincidiu com o perigeu lunar – o momento em que a órbita da Lua passa pelo ponto mais próximo da terra – o que permite ao satélite do nosso planeta tapar completamente o Sol, poucas horas antes de se assinalar o início da Primavera, neste dia 20 de Março.</p> <p>Na Alemanha, os muitos que se juntaram em Berlim afirmaram estar, “provavelmente, a viver uma experiência única na vida”. O próximo eclipse total “será em 2081” e só os mais novos deverão ter a possibilidade de o viver.</p> <p>No Egipto, recordou-se a importância de Rá, o deus do Sol da Antiguidade, que foi uma das principais divindades desta civilização das margens do Rio Nilo.</p> <p>Alaa Ibrahim, professor de astrofísica da Universidade Americana do Cairo, recorda que “o Sol foi um deus da cultura ancestral do Egipto” e que, ainda hoje, é “possível observar o alinhamento do nascer e do pôr-do-sol com os templos”.</p> <p>A Agência Espacial Europeia (<span class="caps">ESA</span>) também divulgou imagens do eclipse visto a partir do minissatélite Proba-2.</p>