Última hora

Última hora

Turistas e especialistas em romaria para ver eclipse solar

A poucas horas do eclipse solar todos os caminhos vão dar ao hemisfério norte. De acordo com o Observatório Astronómico de Lisboa, o fenómeno único

Em leitura:

Turistas e especialistas em romaria para ver eclipse solar

Tamanho do texto Aa Aa

A poucas horas do eclipse solar todos os caminhos vão dar ao hemisfério norte.

De acordo com o Observatório Astronómico de Lisboa, o fenómeno único, ao qual quase ninguém fica indiferente, será total apenas no extremo norte do Oceano Atlântico, nas Ilhas Faroé, Dinamarca, em Svalbard, na Noruega, e na região Ártica.

A curiosidade é tanta que as Ilhas Faroé se encheram de turistas vindos dos quatro cantos do mundo. As nuvens é que prometem estragar a contemplação.

“O risco de não ver coisa alguma existe, ou de ver apenas a sombra da lua a vir em nossa direção de leste para oeste a mais de 1000 km/h. Será só isso que veremos se estiver nublado como agora”, lamenta Bernard Durand, um turista francês de 70 anos de idade que partiu de Lille.

Muitos turistas, como Andy Keen, não se deixam vencer pelos obstáculos do tempo: “Existem 40% de probabilidades de uma manhã nublada. Por isso estamos a percorrer a ilha para tentar encontrar o melhor lugar para fotografar este acontecimento fantástico.”

Em Portugal o eclipse será parcial, começando pelas 08h00 (hora de Lisboa) desta sexta-feira e terminando por volta das 10h00, com o pico a acontecer pelas 09h00.