Última hora

Última hora

Shifrin consagra-se rainha do Slalon

A americana Mikaela Shiffrin não deixou os créditos por esquis alheios e conquistou este sábado o terceiro Globo de Cristal em Slalon. A jovem de 20

Em leitura:

Shifrin consagra-se rainha do Slalon

Tamanho do texto Aa Aa

A americana Mikaela Shiffrin não deixou os créditos por esquis alheios e conquistou este sábado o terceiro Globo de Cristal em Slalon. A jovem de 20 anos confirmou o domínio na disciplina na pista de Méribel, em França, onde foi mais rápida cinco centésimos do que Frida Hansdotter, no conjunto das duas mangas. Mesmo em caso de vitória, a austríaca tinha poucas hipóteses de conquistar o título de Slalon esta época. Mas se o título da disciplina já está atribuído, a coroa da classificação geral da Taça do Mundo de esqui alpino, que engloba todas as disciplinas, ainda está por atribuir.

Tina Maze conseguiu regressar ao topo da tabela ao realizar o quarto melhor tempo no Slalon. A eslovena beneficiou da má prestação de Anna Fenninger, que terminou a prova na 23ª posição. Uma prestação que custou à austríaca a liderança da classificação geral. O Slalon Gigante deste domingo vai decidir o título máximo. Mas Fenninger tem, à partida, a vantagem de disputar a sua disciplina favorita. O pequeno Globo de Cristal correspondente ao Slalon Gigante não lhe deverá escapar, mas o grande é sempre mais apetitoso.