Última hora

Última hora

Nigéria organiza as eleições mais caras de África

Em leitura:

Nigéria organiza as eleições mais caras de África

Tamanho do texto Aa Aa

Entre escândalos de corrupção e violência, a Nigéria, vota este sábado em eleições presidenciais que podem trazer uma grande mudança para o país.

O presidente cessante, Goodluck Jonathan perdeu muito apoio desde sua vitória confortável em 2011 e a oposição uniu-se para apoiar Muhammadu Buhari, militar que governou o país durante quase dois anos, após um golpe militar no final de 1983.

A campanha foi violenta. O partido do governo, Partido Democrático do Povo (PDP), e o Congresso Progressista trocam acusações. As muitas divisões regionais e religiosas foram expostas.

Os dois principais candidatos são de religiões e regiões diferentes. Jonathan é um cristão do sul do país e o general Buhari, muçulmano do norte.

Estas são as eleições mais cara já realizadas em África, e pairam suspeitas de que o dinheiro público foi usado pelas duas campanhas.