Última hora

Última hora

Ehud Olmert: Ex-PM israelita em maus lençóis

A prisão pode ser a próxima morada de Ehud Olmert. O tribunal considerou o antigo primeiro-ministro israelita culpado de corrupção.

Em leitura:

Ehud Olmert: Ex-PM israelita em maus lençóis

Tamanho do texto Aa Aa

Ehud Olmert pode ter como próximo destino a prisão.

O tribunal de Jerusalém considerou o antigo primeiro-ministro israelita culpado de corrupção, fraude e abuso de confiança.

Olmert terá recebido do empresário norte-americano Morris Talansky envelopes com várias dezenas de milhares de dólares, a troco de ter facilitado negócios em Israel. A sentença deve ser lida no dia 5 de maio e os advogados de Olmert vão apresentar recurso, tal como apresentaram de um anterior caso de corrupção que valeu a Olmert uma condenação a seis anos de prisão e está a ser analisado pelo Supremo Tribunal.

Foi também este anterior caso de corrupção que valeu a demissão do governo em 20098. Olmert foi primeiro-ministro entre 2006 e 2009.

Leia também

Ehud Olmert: uma carreira política marcada por escândalos de corrupção