Última hora

Última hora

Nuclear: Esperado acordo de princípio até à meia-noite de terça-feira

Ainda sem um acordo definitivo entre o Irão e as grandes potências estrangeiras, continuam em Lausana, na Suíça, as negociações onde se pretende que

Em leitura:

Nuclear: Esperado acordo de princípio até à meia-noite de terça-feira

Tamanho do texto Aa Aa

Ainda sem um acordo definitivo entre o Irão e as grandes potências estrangeiras, continuam em Lausana, na Suíça, as negociações onde se pretende que o Irão aceda em desacelerar o desenvolvimento do seu programa nuclear e permita inspeções às instalações nucleares no país.

O objetivo das negociações é acordar linhas gerais para um acordo definitivo até terça-feira à meia-noite, e, até 30 de junho, concluir os anexos com os pormenores técnicos mais complicados.

As partes envolvidas nas negociações manifestaram-se otimistas sobre um acordo que ponha fim a 12 anos de tensão.

“É altura de ser tomada uma decisão. Temos esperança que antes do fim do prazo limite consigamos um acordo sobre matérias fundamentais”, disse Alan Eyre, porta-voz do Departamento de Estado dos EUA.

O ministro dos Negócios Estrangeiros britânico foi bem objetivo nas suas declarações.

“É do interesse de todos que o acordo seja alcançado, mas tem de ser um acordo que ponha a bomba fora do alcance do Irão. Não pode haver qualquer compromisso sobre isso”, afirmou Philip Hammond.

Nos Estados Unidos, o presidente da Câmara dos Representantes, ameaçou pedir mais sanções, se não se chegar a um acordo, enquanto o ministro dos Negócios Estrangeiros alemão advertiu para a possibilidade de começar um novo conflito regional no Médio Oriente caso as negociações falhem.