Última hora

Última hora

Ucrânia vai ter gás russo mais tempo

A Rússia aceitou fornecer gás à Ucrãnia, a um preço de desconto, pelo menos por mais três meses.

Em leitura:

Ucrânia vai ter gás russo mais tempo

Tamanho do texto Aa Aa

A Ucrânia vai continuar a comprar gás à Rússia, pelo menos durante mais três meses. O prazo para o fim do anterior contrato terminava esta quarta-feira, 1 de abril, mas a Rússia decidiu oferecer gás a um preço de desconto por mais três meses.

Point of view

A Rússia dá-nos a oportunidade de pagar menos pelo mesmo volume, por isso é óbvio que aproveitamos a oportunidade.

Kiev decidiu aceitar as condições de Moscovo, apesar do braço-de-ferro diplomático que se mantém. A alternativa ao gás russo era o comprado a países da União Europeia: “A Gazprom aceitou fazer um desconto de 100 dólares. Neste momento, pagamos uma média de 280 dólares por 45 milhões de metros cúbicos de gás da Europa. A Rússia dá-nos a oportunidade de pagar 250 dólares pelo mesmo volume, por isso é óbvio que aproveitamos a oportunidade”, disse o ministro ucraniano da Energia, Volodymyr Demchyshyn.

A Ucrânia procura agora assegurar gás barato para o próximo inverno. Ainda este mês deve ser assinado um memorando de entendimento com a Rússia, que prevê entregas de um volume de gás que possa durar até março do próximo ano.

“Mesmo se a Ucrânia recebeu uma proposta russa para um desconto, o tema do preço do gás não está fechado para Kiev. A Ucrânia quer clarificar os preços para o próximo inverno. Dentro de duas semanas, vai haver uma reunião trilateral, em Berlim, com a presença de representantes da União Europeia, onde o tema vai ser discutido”, explica a correspondente da euronews em Kiev, Maria Korenyuk.