Última hora

Última hora

Israel rejeita acordo sobre dossiê nuclear iraniano

O governo israelita exige que num acordo final sobre o dossiê nuclear, o Irão reconheça, de forma inequívoca, o direito à existência de Israel

Em leitura:

Israel rejeita acordo sobre dossiê nuclear iraniano

Tamanho do texto Aa Aa

O governo israelita exige que num acordo final sobre o dossiê nuclear, o Irão reconheça, de forma inequívoca, o direito à existência de Israel.

Após uma conversa telefónica com o presidente norte-americano e três horas de reunião com o gabinete de segurança, o primeiro-ministro Benjamin Netanyahu, rejeitou o entendimento:
“Este acordo não impede o Irão de dotar-se de uma bomba. Este acordo abre o caminho para uma bomba. Pode provocar uma corrida ao armamento nuclear no Médio Oriente e vai aumentar, consideravelmente, os riscos de uma terrível guerra”.

Para Israel, o Irão é uma ameaça à sua sobrevivência e estima que o acordo de princípio permite a Teerão conservar as infraestruturas nucleares.

A Alemanha, através do ministro dos Negócios Estrangeiro, pediu a Israel que analise o acordo com atenção, mas considera ao mesmo tempo que ainda é cedo para festejar, esperando que o regime iraniano cumpra o prometido.