Última hora

Última hora

Indonésia: Justiça rejeita "último recurso" para condenados à morte

O advogado dos dois australianos no corredor da morte por tráfico de droga na Indonésia vai recorrer ao Tribunal Constitucional depois de mais um

Em leitura:

Indonésia: Justiça rejeita "último recurso" para condenados à morte

Tamanho do texto Aa Aa

O advogado dos dois australianos no corredor da morte por tráfico de droga na Indonésia vai recorrer ao Tribunal Constitucional depois de mais um recurso ter sido rejeitado esta segunda-feira.

A decisão acontece na sequência da rejeição do pedido de clemência por parte do Presidente indonésio Joko Widodo.

A Procuradoria-Geral anunciou que se “esgotaram os recursos legais” para Andrew Chan e Myuran Sukumaran.

Os dois foram detidos em 2006, suspeitos de serem os líderes de uma rede de tráfico de droga.

O governo australiano multiplicou-se em esforços diplomáticos para impedir as execuções por fuzilamento na ilha de Nusakambangan, tal como fizeram as autoridades de outros países com cidadãos na mesma situação.

Os australianos fazem parte de um grupo de 10 pessoas – do Brasil, de França, das Filipinas, do Gana, da Nigéria e também da indonésia – no corredor da morte por crimes ligados ao narcotráfico.