Última hora

Última hora

Ucrânia: Voluntários enviam bolos de Páscoa para a linha da frente

Os cristãos ortodoxos celebram a Páscoa no próximo domingo. Mas na Ucrânia os festejos são um pouco amargos. O reconforto na linha da frente é quase

Em leitura:

Ucrânia: Voluntários enviam bolos de Páscoa para a linha da frente

Tamanho do texto Aa Aa

Os cristãos ortodoxos celebram a Páscoa no próximo domingo. Mas na Ucrânia os festejos são um pouco amargos. O reconforto na linha da frente é quase inexistente. Por isso muitos voluntários decidiram cozinhar as guloseimas tradicionais e enviá-las aos soldados mobilizados no leste do país.

“Estou muito preocupada com os nossos rapazes. Vivem em condições muito duras e nem todos têm oportunidade de ir à igreja no domingo. Por isso gostaria de lhes enviar estes presentes de Páscoa para que possam celebrar este dia especial” – afirma Viktoriya Kuznetsova.

Além das prendas dos voluntários, a Igreja Ortodoxa Ucraniana comprou três mil bolos e dez mil ovos de Páscoa para enviar para a linha da frente.

As prendas dos voluntários são fundamentais para levantar o moral das tropas, explica Vitaly Tsyhankov, um antigo combatente:

“Quando estava no Donbass os voluntários visitavam-nos duas vezes por mês. É muito importante para o moral dos soldados. Eles também precisam de celebrar.”

“Os voluntários vão levar estas prendas de Páscoa no sábado à noite para que no domingo milhares de soldados possam celebrar a festa mais importante do calendário cristão ortodoxo apesar de estarem muito longe de casa” – conclui a correspondente da euronews em Kiev, Maria Korenyuk.