Última hora

Última hora

Grécia: Páscoa ortodoxa sob fundo de crise

Uma oração pelo fim da crise na Grécia? Apesar de se reivindicar ateu, o primeiro-ministro Alexis Tsipras marcou presença nas cerimónias da

Em leitura:

Grécia: Páscoa ortodoxa sob fundo de crise

Tamanho do texto Aa Aa

Uma oração pelo fim da crise na Grécia? Apesar de se reivindicar ateu, o primeiro-ministro Alexis Tsipras marcou presença nas cerimónias da Sexta-Feira Santa ortodoxa, em Atenas.

Os cristãos ortodoxos de todo o Mundo celebram a Páscoa uma semana depois dos católicos. Na Grécia, a Igreja Ortodoxa continua a ser bastante influente e não há uma separação formal com o Estado.

Uma residente de Atenas diz que os gregos “têm passado por muitas dificuldades. Mas se tiverem fé, podem ultrapassar tudo. Agora é preciso dar uma hipótese ao novo governo, mas os parceiros internacionais também precisam de fazer o mesmo”.

O correspondente da euronews, Apostolos Staikos, afirma que “nesta Páscoa ortodoxa, a crise económica deu uma nova dimensão à celebração religiosa. Nos últimos anos, os gregos sentem apenas a experiência da crucificação e continuam à espera da ressurreição que nunca chega”.