Última hora

Última hora

História dos "The Police" contada em documentário

Em leitura:

História dos "The Police" contada em documentário

Tamanho do texto Aa Aa

Os fãs dos “The Police” podem recordar momentos da banda no grande ecrã, pelo menos nas salas de cinema norte-americanas. Baseado no livro de

Os fãs dos “The Police” podem recordar momentos da banda no grande ecrã, pelo menos nas salas de cinema norte-americanas.

Baseado no livro de memórias “One Train Later”, escrito pelo guitarrista Andy Summers, o documentário “Can’t Stand Losing You: Surviving the Police”, apresenta cenas com passagens de som, mas também discussões nos ensaios e imagens de bastidores do trio inglês formado por Sting, Andy Summers e Stewart Copeland.

“É interessante. Começámos como uma chamada banda ‘punk’, muito por causa do Stewart no início, porque basicamente para quem estava em Londres naquela época havia uma espécie de euforia ‘punk’. Se não se era ‘punk’ era-se excluído. Muitas pessoas mudaram. Basicamente éramos uma banda ‘punk’ falsa”, explica Andy Summers.

O guitarrista acrescenta que a conjugação de vários talentos com a voz única de Sting contribuiu para o sucesso da banda.

No entanto, Andy Summers, sublinha que a popularidade meteórica e a afirmação de identidades transformou o clima inicialmente existente entre os elementos: “Ao terceiro álbum, provavelmente, começámos a sentir-nos como estrelas da pop, com o ego em alta, todos nós. Estávamos a conseguir muita atenção da imprensa e talvez se tenha refletido no estúdio. Mas ao mesmo tempo eramos três pessoas, mas eramos os “The Police”, a banda, e existe uma espécie de consciência de grupo que funcionou. Defendiamo-nos uns aos outros e estivemos sempre ao lado uns dos outros.”

O documentário foi dirigido por Andy Grieve. De notar a ausência de antigos elementos da equipa para enriquecer os comentários.

“Can’t Stand Losing You: Surviving the Police” apresenta imagens desde o início até à ruptura do trio, juntamente com fragmentos audiovisuais da “Reunion Tour.”