Última hora

Última hora

Novo sismo de 6,7 de magnitude no Nepal quando saldo de vítimas sobe para 2 mil mortos

O Nepal continua a tremer, desde o abalo de grande intensidade de sábado. Uma nova réplica de 6,7 de magnitude na escala de Richter abalou esta manhã

Em leitura:

Novo sismo de 6,7 de magnitude no Nepal quando saldo de vítimas sobe para 2 mil mortos

Tamanho do texto Aa Aa

O Nepal continua a tremer, desde o abalo de grande intensidade de sábado. Uma nova réplica de 6,7 de magnitude na escala de Richter abalou esta manhã o território.

Trata-se do 36o abalo desde o terramoto de 7,8 de magnitude de sábado, num momento em que o número de vítimas supera os dois mil mortos e mais de quatro mil feridos.

As operações de resgate prosseguem no terreno, com a colaboração de várias equipas estrangeiras, nomeadamente indianas e chinesas.

Na capital, milhares de pessoas foram obrigadas a dormir ao ar livre com medo de um novo abalo de grande intensidade, quando dezenas poderão estar ainda sob os escombros.

As autoridades instalaram cerca de 15 centros de refugiados em torno da cidade para acolher os milhares de desalojados.

O sismo afetou cerca de 30 das 75 regiões do país, afetando mais de 4,6 milhões de habitantes, quando há relatos de povoações totalmente destruídas, nas zonas mais remotas do vale de Katmandu, o que poderia duplicar o atual número de vítimas do sismo, o pior dos últimos 80 anos no país.

O primeiro-ministro nepalês, Sushil Koirala, interrompeu uma viagem ao estrangeiro para regressar ao país para coordenar os esforços de resgate e a distribuição de ajuda humanitária, quando as autoridades tentam restabelecer as comunicações e o fornecimento elétrico na zona da capital, onde vive a maior parte da população do país.