Última hora

Última hora

BP e Total: Lucros melhores do que previsto apesar da queda do preço do petróleo

Em leitura:

BP e Total: Lucros melhores do que previsto apesar da queda do preço do petróleo

Tamanho do texto Aa Aa

A refinaria e a distribuição salvam as contas das companhias petrolíferas BP e Total, apesar da queda dos preços do crude.

No primeiro trimestre, os lucros da BP recuaram 20% para 2,6 mil milhões de dólares.

Os resultados revelam-se melhores do que o previsto, com a divisão de refinaria a compensar a queda na área da produção e exploração.

Desde o verão passado, o barril de Brent caiu mais de cinquenta por cento. No primeiro trimestre, rondou os 55 dólares.

Neste contexto, a Total viu também encolher os lucros. Entre janeiro e março, recuaram 22% para 2,6 mil milhões de dólares. Mas as receitas da divisão de refinaria e produtos químicos mais do que triplicaram face ao mesmo período do ano passado.

Para reduzir os custos, a BP anunciou o congelamento dos salários e a Total vai suprimir dois mil empregos este ano.