Última hora

Última hora

Aldeia tibetana recebe primeiras ajudas desde o sismo no Nepal

O poderoso sismo de 25 de abril não deixou apenas aldeias isoladas nas montanhas do Nepal, mas também no vizinho Tibete. Depois de seis dias a abrir

Em leitura:

Aldeia tibetana recebe primeiras ajudas desde o sismo no Nepal

Tamanho do texto Aa Aa

O poderoso sismo de 25 de abril não deixou apenas aldeias isoladas nas montanhas do Nepal, mas também no vizinho Tibete.

Depois de seis dias a abrir caminho, uma equipa de 65 pessoas conduzida pela polícia chinesa escalou durante várias horas carregada com cerca de uma tonelada de mantimentos para alcançar a aldeia tibetana de Laojiang, cujos acessos tinham sido cortados pelo sismo.

O líder da expedição explica que “o próximo passo depende dos trabalhos de limpeza da estrada. Serão precisos dezenas de dias ainda a transportar assistência desta forma até à aldeia”.

Se os 74 habitantes de Laojing têm agora resposta para as necessidades básicas, muitos são ainda os residentes de áreas remotas, tanto do lado tibetano, como sobretudo do nepalês, que continuam à espera de assistência.