Última hora

Última hora

Grécia paga 200 milhões ao FMI

Em leitura:

Grécia paga 200 milhões ao FMI

Tamanho do texto Aa Aa

O FMI já conta com os 200 milhões de euros que a Grécia devia pagar até esta quarta-feira.

O governo liderado por Alexis Tsipras cumpriu o pagamento no prazo estipulado, mas a dúvida reside agora numa outra fatia de 750 milhões de euros que o governo grego tem para pagar.

O ministro das Finanças, Yanis Varoufakis, espera conseguir acordo para um novo adiamento dos prazos, na reunião do Eurogrupo da próxima segunda-feira, mas o presidente do grupo de ministros da Eurozona, Jeroen Dijsselbloem, já disse que isso não iria acontecer.

O governo de Atenas anunciou a reversão de várias políticas do anterior executivo, incluindo a reintegração nos quadros de 13.000 funcionários públicos. A medida mais emblemática é o regresso ao trabalho de cerca de 600 empregadas da limpeza que tinham sido despedidas pelo Ministério das Finanças e que se manifestaram durante muito tempo frente às instalações da estrutura agora dirigida por Varoufakis.

“A 12 de maio, a Grécia tem de pagar mais 750 milhões de euros ao FMI. mas com o país a ficar sem dinheiro, o governo deposita esperanças num acordo na reunião do Eurogrupo. A verdade é que as mensagens de Bruxelas não são encorajadoras”, diz o correspondente da euronews em Atenas, Stamatis Giannisis.