Última hora

Última hora

Para breve ligação EUA-Cuba por "ferryboat"

O Departamento do Tesouro norte-americano anunciou terça-feira que emitiu licenças para autorizar o transporte de passageiros por “ferryboat” entre

Em leitura:

Para breve ligação EUA-Cuba por "ferryboat"

Tamanho do texto Aa Aa

O Departamento do Tesouro norte-americano anunciou terça-feira que emitiu licenças para autorizar o transporte de passageiros por “ferryboat” entre os EUA e Cuba, o que acontece pela primeira vez em mais de 50 anos.

A comunicação social norte-americana avança que terão sido atribuídas licenças a cinco empresas, contudo, outras quatro revelaram ter obtido autorizações.

“Isto vai facilitar o fluxo de visitantes, a um custo mais baixo, e o transporte de produtos e mercadorias para os familiares dos cubanos-americanos”, disse Jose Miguel Diaz Escrich, responsável da Marina Hemingway, em Cuba.

No site de uma das empresas autorizadas é anunciado o serviço a partir do outono em barcos com 400 camarotes e capacidade para 1500 passageiros. A última viagem de 150 quilómetros feita por um “ferry” entre Cuba e os EUA aconteceu em 31 de outubro de 1960, pouco depois de as forças revolucionárias de Fidel Castro terem derrubado o ditador Fulgêncio Batista, apoiado por Washington.Estima-se que mais de 1 milhão de cubanos se tenha refugiado nos Estados Unidos desde então.

A decisão do Departamento do Tesouro norte-americano surge quatro meses depois de os dois países terem anunciado o reatamento de relações diplomáticas.