Última hora

Última hora

Reino Unido: Risos de uns, lágrimas de outros

Os repórteres da euronews ouviram apoiantes dos vencedores e vencidos.

Em leitura:

Reino Unido: Risos de uns, lágrimas de outros

Tamanho do texto Aa Aa

Em Londres, a alegria dos conservadores contrasta com a deceção dos trabalhistas.

Os repórteres da euronews foram ao encontro dos londrinos. James Franey esteve no Blue Boar, um “pub” perto de St James’s Park frequentado por apoiantes dos “tories”: “As sondagens à boca das urnas são muito boas para nós. Estive a fazer campanha em South Thanet. Pelas conversas que tive com as pessoas de lá, parece que podemos ter ganho essa circunscrição, impedindo Nigel Farage de ganhar”, diz um jovem do partido.

Outro apoiante conservador acrescenta: “Estou muito contente por David Cameron. Manteve-se fiel aos princípios, tal como George Osborne. O esforço de ambos deu frutos. Não tenho dúvidas de que é o líder de que precisamos”.

Outra repórter da euronews, Sarah Chappell, esteve com apoiantes trabalhistas no bairro de Vauxhall: “Estou chocado e enojado. Parece que a mentira resulta. A coligação no governo não foi honesta com o povo britânico nos últimos cinco anos e ainda menos nas últimas quatro semanas”, confessa um votante trabalhista.

“Estou surpreendida com o Partido Trabalhista. Pensei que fosse aumentar o número de lugares no Parlamento, em vez de diminuir. É muito mau, tenho a sensação que são todos corruptos, só querem o que lhes convém e nós ficamos na mesma situação durante anos e anos”, lamenta uma jovem londrina.