Última hora

Última hora

SNP faz história na Escócia

Trabalhistas escoceses sofrem enorme derrota

Em leitura:

SNP faz história na Escócia

Tamanho do texto Aa Aa

Eis que nasce uma estrela. Nicola Sturgeon e o Partido Nacional Escocês poderão ser a grande revelação destas eleições britânicas.

Point of view

"Se a aritmética parlamentar significar que existe uma maioria anti-conservadora, então o SNP está pronto a trabalhar com os trabalhistas para manter Cameron fora de Downing Street", Nicola Sturgeon, SNP

Sondagens efetuadas à boca das urnas davam aos nacionalistas escoceses 58 dos 59 assentos parlamentares reservados à Escócia.

Um resultado a todos os títulos extraordinário que, a confirmar-se, irá decerto dificultar a tarefa do próximo executivo.

“Se a aritmética parlamentar significar que existe uma maioria anti-conservadora, então o SNP está pronto a trabalhar com os trabalhistas para manter Cameron fora de Downing Street. Caso não se verifique este resultado, então os deputados do SNP irão para Westminster para defender a Escócia contra o governo conservador. Mas ainda espero que possamos manter Cameron afastado”, afirma Nicola Sturgeon.

Na Escócia os trabalhistas estão a sofrer perdas enormes. O trabalhista Douglas Alexander, responsável pelas relações externas e um dos principais estrategas do partido, perdeu o seu lugar frente a Mhairi Black, do SNP, a deputada mais jovem eleita para o Parlamento desde 1667.

O líder dos trabalhistas na Escócia, Jim Murphy, perdeu igualmente o assento parlamentar.

Seja como for, à medida que os resultados vão surgindo, uma coisa parece clara, o SNP está a fazer a história na Escócia.