Última hora

Última hora

Espanha: rapaz descoberto em mala recebe autorização de residência

As autoridades espanholas concederam uma autorização de residência temporária ao rapaz de oito anos que se tinha escondido numa mala para tentar

Em leitura:

Espanha: rapaz descoberto em mala recebe autorização de residência

Tamanho do texto Aa Aa

As autoridades espanholas concederam uma autorização de residência temporária ao rapaz de oito anos que se tinha escondido numa mala para tentar aceder ao enclave de Ceuta, vindo de Marrocos, num caso que comoveu o país.

Adou Ouattara, proveniente da Costa do Marfim, será alvo de um teste de ADN, antes de ser transferido para as ilhas Canárias, onde vivem os pais.

A mãe, Lucie, garante que é o seu filho e diz ter “todos os documentos para o provar”.

As autoridades espanholas explicaram que a “autorização de residência temporária de um ano” atribuída a Adou constitui uma situação “extraordinária”.

O pai, Ali Ouattara, continua em prisão preventiva.

O Ministro espanhol do Interior explicou que “um fim humanitário não justifica uma violação da lei e, muito menos, pôr em perigo a vida de uma criança. É preciso tomar [esse facto] em consideração, caso contrário podemos incentivar comportamentos que são ilegais”.

Ali tinha sido detido na mesma fronteira entre Marrocos e o enclave de Ceuta e é acusado de ter posto em perigo a vida do filho, depois de ter pago €5000 aos traficantes que se encarregaram do transporte de Adou.