Última hora

Última hora

Primeiro julgamento por manipulação da Libor

Em leitura:

Primeiro julgamento por manipulação da Libor

Tamanho do texto Aa Aa

O escândalo da manipulação das taxas Libor está pela primeira vez em tribunal.

Tom Hayes, um ex-corretor do banco suíço UBS e depois do banco americano Citigroup, é o primeiro a sentar-se no banco dos réus, nos tribunais britânicos, no caso da alteração fraudulenta das taxas dos empréstimos entre bancos.

Hayes é suspeito de manipular os juros da Libor em colaboração com outros funcionários nos bancos de investimento.

A defesa de Hayes alega que o ex-corretor está inocente, pois as ordens de manipulação terão partido da chefia dos bancos.

Tom Hayes não é o único à espera de julgamento – a lista de suspeitos inclui outros ex-corretores. Caso sejam considerados culpados, incorrem numa pena pode ir até 10 anos de prisão efetiva.

Para além de ajudar a decidir o preço de outras operações, a taxa Libor é usada como medida da confiança no sistema financeiro e reflete a confiança que os bancos têm na saúde financeira uns dos outros.