Última hora

Última hora

Sturgeon: saída do Reino Unido da UE poderá desencadear novo referendo escocês

De visita a Bruxelas, Nicola Sturgeon, a mulher que está à frente do Governo da Escócia, deixou claro que a eventual saída do Reino Unido da União

Em leitura:

Sturgeon: saída do Reino Unido da UE poderá desencadear novo referendo escocês

Tamanho do texto Aa Aa

De visita a Bruxelas, Nicola Sturgeon, a mulher que está à frente do Governo da Escócia, deixou claro que a eventual saída do Reino Unido da União Europeia (UE) poderá desencadear a realização de um segundo referendo sobre a permanência escocesa no país.

Sturgeon diz que “não se pode impor uma vontade à outra”: “Argumentarei, no contexto do referendo, que o Reino Unido deve permanecer na UE porque considero que é esmagadoramente do nosso interesse. Se, depois do referendo, a Escócia estiver fora da UE porque o Reino Unido votou nesse sentido, penso que haverá muitas pessoas a dizer que não querem sair da UE e que por isso terão de analisar novamente se deveriam ser um membro independente da União Europeia.”

Concretamente, Nicola Sturgeon quer que o Governo britânico, liderado por David Cameron, estabeleça um mecanismo de“dupla maioria.” As quatro nações que integram o Reino Unido votariam de maneira individual sobre a permanência na União Europeia e só seria possível uma saída se todas se manifestassem nesse sentido.