Última hora

Última hora

China: Aumenta balanço do naufrágio

A esperança de encontrar novos sobreviventes é cada vez menor.

Em leitura:

China: Aumenta balanço do naufrágio

Tamanho do texto Aa Aa

O balanço de vítimas mortais do naufrágio de um navio de cruzeiro fluvial na China: cresceu para 65, depois da descoberta de 35 novos corpos.

As equipas de busca conseguiram penetrar na carcaça do navio, depois de uma parte ter vindo à tona. Há ainda cerca de 400 desaparecidos e a esperança de encontrar novos sobreviventes é cada vez mais pequena.

As famílias das vítimas começaram a recolher-se junto ao local onde o navio naufragou. Cerca de 300 pessoas já chegaram ao local. Para os próximos dias esperam-se mais 200.

O “Estrela do Oriente” naufragou na segunda-feira, por culpa de uma tempestade, durante um cruzeiro de vários dias pelo rio Iangtsé, uma viagem muito apreciada pelos chineses, em particular pelos reformados.

Há apenas 14 sobreviventes, internados em hospitais da China. Os especialistas dizem que, embora a esperança de encontrar mais pessoas com vida seja pouca, a hipótese não é de todo impossível, já que pode ter sido criada uma bolsa de ar por baixo da carcaça do navio.