Última hora

Última hora

FIFA suspendo processo de candidaturas para Mundial 2026

A FIFA decidiu suspender o processo de candidaturas para o Mundial de 2026. A decisão final sobre o país que vai organizar o campeonato dentro de 11

Em leitura:

FIFA suspendo processo de candidaturas para Mundial 2026

Tamanho do texto Aa Aa

A FIFA decidiu suspender o processo de candidaturas para o Mundial de 2026. A decisão final sobre o país que vai organizar o campeonato dentro de 11 anos deveria ser anunciada em maio de 2017, mas o organismo que gere o futebol mundial suspendeu o processo. FIFA está a ser alvo de acusações de corrupção em redor das competições de 2018 e 2022, que vão decorrer na Rússia e no Qatar, respectivamente. Várias detenções foram feitas e o presidente recém reeleito, Sepp Blatter, apresentou a demissão.

O secretário geral da FIFA, Jerome Valcke que esteve na cidade russa de Samara, esta quarta-feira, explicou que “tendo em conta toda a situação que se vive no organismo, foi necessário adiar todas as decisões mais importantes”.

Jerome Valcke visitou as infraestururas que estão a ser criadas para o Mundial da Rússia e voltou a negar qualquer irregularidade nos processos eleitorais para os campeonatos de 2018 e 2022 e garantiu que foram seguidos todos os procedimentos regulamentares”. Também o ministro dos Desportos russo, Vitali Mutkó reafirmou que a candidatura russa atuou sempre “dentro das regras” e que “se existisse algo [de irregular] já se teria conhecido”.

Recorde-se que a Rússia foi a escolhida para organizar o Campeonato do Mundo de 2018 numa segunda votação, depois de a Inglaterra ter sido eliminada na primeira, com um total de 13 votos, contra sete da candidatura ibérica (Portugal e Espanha) e dois do projeto conjunto entre a Holanda e a Bélgica.

Já o Qatar foi escolhido para anfitrião Mundial de 2022 depois de quatro votações. A Justiça suiça continua a investigar alegadas irregularidades nestes campeonatos.

O presidente da UEFA e um dos possíveis candidatos à liderança da FIFA, o francês Michel Platini, considerou que a suspensão do processo para 2026 “foi uma boa decisão”.

Para o Mundial de 2026, os principais candidatos são os Estados Unido, mas o Canadá, México e Colômbia também estão nesta corrida.