Última hora

Última hora

Roménia: ministro demite-se na véspera de moção de censura

O ministro dos Transportes da Roménia demitiu-se depois de insultar, numa entrevista, os cidadãos que emigram à procura de emprego. Cerca de três

Em leitura:

Roménia: ministro demite-se na véspera de moção de censura

Tamanho do texto Aa Aa

O ministro dos Transportes da Roménia demitiu-se depois de insultar, numa entrevista, os cidadãos que emigram à procura de emprego.

Cerca de três milhões de romenos trabalham fora do país, que é um dos mais pobres da União Europeia.

As declarações de Ioan Rus provocaram uma vaga de críticas e foram classificadas de “lamentáveis” pelo primeiro-ministro Victor Ponta, a braços com uma profunda crise política.

O chefe do governo social-democrata está a ser investigado pela Justiça num caso de conflito de interesses e é acusado de evasão fiscal, quando exercia funções como advogado.

Ponta rejeitou os apelos de demissão feitos pelo presidente conservador, Klaus Iohannis.

O executivo enfrenta esta sexta-feira, no Parlamento, uma moção de censura que, no entanto, deverá falhar face à maioria confortável da coligação governamental.