Última hora

Última hora

Turquia: último adeus a Suleyman Demirel

Na Turquia foi a sepultar esta sexta-feira o antigo primeiro-ministro e presidente Suleyman Demirel. A cerimónia decorreu em Ancara no exterior do

Em leitura:

Turquia: último adeus a Suleyman Demirel

Tamanho do texto Aa Aa

Na Turquia foi a sepultar esta sexta-feira o antigo primeiro-ministro e presidente Suleyman Demirel.

A cerimónia decorreu em Ancara no exterior do parlamento.

Suleyman Demirel faleceu esta quarta-feira devido a uma infeção respiratória. Demirel contava 90 anos de idade.

Falando na cerimónia fúnebre, o presidente turco Erdogan afirmou “apresentou os meus pêsames à família e ao nosso povo. Demirel esteve presente na política durante meio século. Ele serviu o país e atravessou momentos momentos bons e maus da nossa história. Ele era história viva”.

Oriundo de uma família rural, desde 1965 que Demirel fazia parte integrante da política turca ocupando o cargo de primeiro-ministro nada mais, nada menos do que sete vezes.

Entre 1993 e o ano 2000 Demirel ocupou a presidência do país afastando-se apenas em definitivo após a subida ao poder do partido AK do atual presidente Erdogan.

Figura incontornável da política turca, o seu habitual chapéu acompanhou-o até nos momentos finais.