Última hora

Última hora

Filantropos resgatam mais de 400 migrantes do mediterrâneo

Um navio de resgate e salvamento privado atracou no porto de Messina em Itália com mais de 400 migrantes. Entre eles seguiam inúmeras mulheres e pelo

Em leitura:

Filantropos resgatam mais de 400 migrantes do mediterrâneo

Tamanho do texto Aa Aa

Um navio de resgate e salvamento privado atracou no porto de Messina em Itália com mais de 400 migrantes.

Entre eles seguiam inúmeras mulheres e pelo menos 32 crianças.

A operação foi levada a cabo pela “Migrant Offshore Aid Station”, em português, Estação de Alto-Mar de Ajuda a Migrantes, que pertence a um casal de filantropos. O casal fundou a organização e financiou tudo, incluindo a embarcação Phoenix.

Apenas no ano passado lançaram uma iniciativa “Crowd Funding”, para recolher donativos através da internet.

Só em meio ano, já chegaram é Europa mais de 100 mil pessoas, sem contar com mortos e desaparecidos.

Os Dados são das Nações Unidas e confirmam o problema para o qual a União Europeia ainda não conseguiu arranjar solução.

Em 2014, chegaram a solo europeu, pouco mais de 201 mil migrantes.

Número onde não figuram os milhares de mortos e desaparecidos.