Última hora

Última hora

Itália: Mais de 500 clandestinos salvos no mar desembarcam em terra firme

Fazem parte de um grupo de 2700 pessoas salvas terça e quarta-feira, no Mediterrâneo, entre a Líbia e a Sicília

Em leitura:

Itália: Mais de 500 clandestinos salvos no mar desembarcam em terra firme

Tamanho do texto Aa Aa

Mais de 500 imigrantes chegaram, esta quinta-feira, a terra firme. Cerca de 350 desembarcaram no porto de Pozzallo, na ilha italiana da Sicília.

Fazem parte de um grupo de 2700 pessoas salvas terça e quarta-feira, no Mediterrâneo, entre a Líbia e a Sicília.

Os clandestinos terão tentado a travessia a partir da Líbia e parecem ser principalmente originários da Eritreia, segundo a ONG Médicos Sem Fronteiras, que participou nas operações.

Ao todo, 13 navios – de diferentes países e organizações – participaram no salvamento.

Entre eles, um navio da marinha alemã, que chegou esta quinta-feira a Catânia, outro porto siciliano, com 200 imigrantes a bordo.

Desde o início do ano, 150.000 pessoas atravessaram o mar rumo à Europa. Foram acolhidas sobretudo na Itália e na Grécia; 1900 perderam a vida na travessia.